Porto Sentido

Por ruelas e calçadas
da Ribeira até à Foz
por pedras sujas e gastas
e lampiões tristes e sós.

Tomei consciência de que um ano passou desde a última vez que partilhei contigo as ruas daquela cidade triste, das suas calçadas pisadas por nós nos nossos intermináveis passeios. E…senti-me vazia. Algo faltava na paisagem e acabei por ter que me mentalizar de que tu não estavas mais lá. Comigo. Ficam na minha memória e em outro cantinho bem especial, o ano passado contigo, as longas viagens de comboio para nos vermos. Ainda hoje sinto o teu perfume no ar ou vejo, na minha cabeça, esse sorriso tão perfeito. Não sei por onde andas agora, nem o que fazes. Apenas sei que o teu coração é partilhado com uma nova pessoa. Essa foi a última conversa que tivemos. Tenho saudades tuas.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s