Parte de mim

Existe um vazio nas palavras que te digo por já não estarem nem perto daquilo que gostava realmente de te dizer. São fracas, desprovidas de sentimento, quando as que eu tenho vontade de gritar deveriam ser cheias, fortes, emotivas em que tu as lesses ou ouvisses e soubesses logo: “Ela ama-me.”
Eu amo-te. Mas esse amo-te já me revolta por sentir que não é uma palavra suficientemente boa para te ser dita. Quero uma que consiga expressar tudo o que vai cá dentro. Se não a arranjar, invento uma. Prometo. Para já, entretém-te com o meu olhar e sorriso de menina apaixonada.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s