A dor de tanto ver

Não digas que são fantasias da minha cabeça. Que nada se passa. Que o passado ficou no passado e já nada tem a ver com o presente. Se não houvesse motivo para me preocupar, tu não escondias. Não agarravas em tudo num instante para esconderes do meu olhar. Só o atrais mais. Os nossos olhos vêem mais do que às vezes gostaríamos de ver.

tumblr_mew6moDQu31rzl1tso1_500name

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s