Teus Olhos Choram em Silêncio

Quebra-me o coração uma, duas, três vezes. Consola-me de seguida. Faz-me sorrir no meio de lágrimas para mais tarde continuarmos no mesmo amor que repartimos sem se pedir nada em troca. Dou-te a mão numa linguagem que mais ninguém entende. Este mundo é nosso. Só teu e meu. Não chames meu nome. Já mal aguento o teu olhar pousado no meu, despedindo-se em silêncio, chorando em silêncio, numa agonia sufocante. Vêmo-nos mais tarde. Até sempre amigo.

“Desconcertante é que tão grande tristeza caiba dentro de tão pequeno peito. às vezes morre-se tanto, e tão cedo.” – Al Berto

Anúncios

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s