Deixa-o partir

Deixa-o partir com as ondas do mar. Chora se quiseres mas deixa que ele se afaste. Precisas tanto de um adeus como ele. E sim, cada vez que voltares a essa praia, vai doer. Vais sentir o peso do passado que lançaste ao mar, vais sentir o teu coração a desfazer-se em lágrimas que não consegues conter e vais querer traze-lo de volta. Será sempre o teu ciclo vicioso. Não o vais conseguir apagar da tua cabeça e nos dias em que vires o seu barco atracado na doca, vais querer correr para os seus braços. Mas lembra-te que nenhum princípio começou no final da mesma história. Por isso é que existem novos começos. Para que os finais possam todos coexistir na tua vida, sem magóas ou arrependimentos.

image

Anúncios

One thought on “Deixa-o partir

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s